Correio dos Campos

Governo vai usar Correios para acelerar cadastramento no programa de auxílio emergencial

À tarde, Onyx Lorenzoni afirmou que o martelo sobre o uso das agências dos Correios será batido em reunião nesta sexta-feira (8)
8 de Maio de 2020 às 09:20
(foto: Agência Brasil)

O governo quer fechar um acordo para que agências dos Correios façam o cadastro de pessoas que queiram receber o auxílio emergencial durante a pandemia do novo coronavírus.

O ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania) participou de debate com congressistas nesta quinta-feira (7) e foi questionado sobre as longas fila de espera nas agências da Caixa, que libera o pagamento de R$ 600 a trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEIs) e desempregados.

Para o ministro, a demora no atendimento nas agências já está sendo resolvida e as “filas estão em pontos residuais” do país. Deputados e senadores, porém, insistiram na necessidade de medidas para reduzir a espera, constatada, especialmente, nas grandes cidades.

O governo quer fechar um acordo para que agências dos Correios façam o cadastro de pessoas que queiram receber o auxílio emergencial durante a pandemia do novo coronavírus.

O ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania) participou de debate com congressistas nesta quinta-feira (7) e foi questionado sobre as longas fila de espera nas agências da Caixa, que libera o pagamento de R$ 600 a trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEIs) e desempregados.

Para o ministro, a demora no atendimento nas agências já está sendo resolvida e as “filas estão em pontos residuais” do país. Deputados e senadores, porém, insistiram na necessidade de medidas para reduzir a espera, constatada, especialmente, nas grandes cidades.

Fonte: Banda B