Correio dos Campos

SMAPA orienta produtores de uva na criação de uma associação

Reunião debateu importantes demandas do setor e os preparativos da Fesuva de 2022
27 de Maio de 2021 às 18:20
(Foto: Divulgação/PMPG)

COM ASSESSORIAS – A Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento recebeu na última quarta-feira (27) a visita de produtores de uva de Ponta Grossa. O diálogo com o secretário Bruno Costa, bem como engenheiros agrônomos da SMAPA trouxe em pauta as vantagens dos produtores criarem uma associação ou cooperativa para o setor da vitivinicultura.

O produtor, Rodrigo Sozim comentou que no setor existe uma demanda a ser preenchida no âmbito da assistência técnica, industrialização e logística. Atualmente, Ponta Grossa tem registrados nove produtores de uva. “Fomos orientados a montar uma cooperativa ou associação, e concluímos que esta saída realmente pode na auxiliar em diversos aspectos”, comenta Sozim.

A engenheira agrônoma Graziela Costa Tozetto explica que a SMAPA dará o suporte necessário para o cooperativismo. Segundo ela, agora é o momento da organização de documentos, membros, definição de objetivos, formulação de um estatuto, entre outras providências a serem tomadas pelos produtores. “Depois de formada a entidade, eles poderão buscar recursos governamentais, efetuar compras coletivas de insumos e efetuarem o beneficiamento da uva através de processos de agroindustrialização”, explica Graziela.

O secretário Bruno Costa comenta que o papel do governo é dar opções sustentáveis, oferecer oportunidades e competitividade aos produtores, e promover um sistema de abastecimento e segurança alimentar eficiente e eficaz para a cidade. Através do cooperativismo, torna-se possível incrementar os negócios de toda a cadeia da vitivinicultura, aumentando as vendas através de alternativas para diversificar a comercialização. “A SMAPA entende que a produção de uva tem potencial para desenvolvimento na região. Tudo o que for possível para fomentar o setor, será feito. Em virtude disso, estaremos juntos com os produtores neste momento de transformação”, finaliza Costa.