Correio dos Campos

Prefeitura realiza vacinação contra a Covid-19 em três públicos distintos

A ação acontecerá no sábado (29) e o agendamento estará aberto a partir de hoje (27), às 18h
27 de Maio de 2021 às 18:17
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Ponta Grossa)

COM ASSESSORIAS – Neste sábado (29), a Prefeitura de Ponta Grossa, através da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e Departamento de Imunização, realizará mais uma ação de vacinação contra a Covid-19. Serão aplicadas doses em três diferentes públicos em quatro locais distintos distribuídos pela cidade. Todos deverão realizar o agendamento no site da Prefeitura (https://www.pontagrossa.pr.gov.br/) a partir das 18h (previsão) de hoje (27), até às 22h de amanhã (28).

“Será necessário prestar muita atenção ao realizar o agendamento, pois é necessário selecionar o local e público correto, evitando transtornos. Estamos solicitando que as pessoas compareçam apenas no horário marcado, evitando aglomeração”, destaca a enfermeira da Atenção Primária, Daniele Fabian.

Um dos públicos que será vacinado são os profissionais de educação, entre 50 e 59 anos, ensino básico, fundamental e médio/técnico. Todas as aplicações para este grupo acontecerão das 9h às 16h, na Secretaria Municipal de Educação (SME), localizada na rua Valério Ronchi, 150 – Uvaranas. Se trata de primeira dose. É obrigatório apresentar a declaração padrão de trabalhador da educação, além do RG, CPF e carteira de vacina.

Também estará acontecendo a aplicação de segunda dose para as pessoas com 80 anos ou mais que tomaram a primeira dose de astrazeneca nos dias 6 e 7 de março. “Essas pessoas tinham previsão de agendamento entre o dia 28 e 31 de março, então ela será aplicada no dia 29, é só agendar, o cadastro será aceito e o esquema vacinal estará encerrado”, explica a coordenadora de Imunização, Stela Godoy. A vacinação acontece no Restaurante Popular, das 9h às 16h e no Drive Thru – Centro de Eventos, das 14h às 17h.

O terceiro público imunizado, com a primeira dose, será das pessoas com comorbidade entre 18 e 59 anos. “Exceto os pacientes que tenham diabetes, todas as outras comorbidades é necessário que leve declaração, seja da Unidade Básica de Saúde ou do médico particular que atende. São doenças que estão elencadas pelo Ministério de Saúde”, comenta Daniele. As doses serão aplicadas das 9h às 17h na Estação Arte e das 14h às 17h, no Drive Thru – Centro de Eventos.

Pessoas ativas no Benefício de Prestação Continuada (BPC) poderão se imunizar também, basta agendar e comparecer no horário marcado. Todos os inscritos já estão previamente listados.

Cerca de 5500 pessoas serão imunizadas na ação.

LOCAIS E HORÁRIOS DA VACINAÇÃO
Profissionais de Educação (ensino básico, fundamental e médio/técnico)
50 a 59 anos
Secretaria Municipal de Educação
Das 9h às 16h
80 anos ou mais (receberam a primeira dose nos dia 6 e 7 de março – Astrazeneca)
Centro de Eventos – Drive Thru
Das 9h às 13h
Restaurante  Popular
Das 9h às 16h
18 a 59 anos com comorbidades 
Estação Arte
Das 9h às 17h
Centro de Eventos – Drive Thru
Das 14h às 17h

RELAÇÃO DE COMORBIDADES DO PLANO ESTADUAL DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

DIABETES MELLITUS – Qualquer indivíduo com diabetes.
PNEUMOPATIAS CRÔNICAS GRAVES – Indivíduos com pneumopatias graves incluindo doença pulmonar obstrutiva crônica, fibrose cística, fibroses pulmonares, pneumoconioses, displasia broncopulmonar e asma grave (uso recorrente de corticoides sistêmicos, internação por crise asmática).
HIPERTENSÃO ARTERIAL RESISTENTE (HAR) – Quando a pressão arterial (PA) permanece acima das metas recomendadas com o uso de três ou mais anti-hipertensivos de diferentes classes, em doses máximas preconizadas e toleradas, administradas com frequência, dosagem apropriada e comprovada adesão ou PA controlada em uso de quatro ou mais fármacos antihipertensivos.
HIPERTENSÃO ARTERIAL ESTÁGIO 3 – PA sistólica ≥180mmHg e/ou diastólica ≥110mmHg independente da presença de lesão em órgão-alvo (LOA) ou comorbidade.
HIPERTENSÃO ARTERIAL ESTÁGIOS 1 E 2 COM LESÃO EM ÓRGÃO-ALVO E/OU COMORBIDADE – PA sistólica entre 140 e 179mmHg e/ou diastólica entre 90 e 109mmHg na presença de lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade.
INSUFICIÊNCIA CARDÍACA (IC) – IC com fração de ejeção reduzida, intermediária ou preservada; em estágios B, C ou D, independente de classe funcional da New York Heart Association.
COR-PULMONALE E HIPERTENSÃO PULMONAR – Cor-pulmonale crônico, hipertensão pulmonar primária ou secundária.
CARDIOPATIA HIPERTENSIVA – Cardiopatia hipertensiva (hipertrofia ventricular esquerda ou dilatação, sobrecarga atrial e ventricular, disfunção diastólica e/ou sistólica, lesões em outros órgão salvo).
SÍNDROMES CORONARIANAS – Síndromes coronarianas crônicas (Angina Pectoris estável, cardiopatia isquêmica, pós Infarto Agudo do Miocárdio, outras).
VALVOPATIAS – Lesões valvares com repercussão hemodinâmica ou sintomática ou com comprometimento miocárdico (estenose ou insuficiência aórtica; estenose ou insuficiência mitral; estenose ou insuficiência pulmonar;estenose ou insuficiência tricúspide, e outras).
MIOCARDIOPATIAS E PERICARDIOPATIAS – Miocardiopatias de quaisquer etiologias ou fenótipos; pericardite crônica; cardiopatia reumática.
DOENÇAS DA AORTA, DOS GRANDES VASOS E FÍSTULAS ARTERIOVENOSAS – aneurismas, dissecções, hematomas da aorta e demais grandes vasos.
ARRITMIAS CARDÍACAS – Arritmias cardíacas com importância clínica e/ou cardiopatia associada (fibrilação e flutter atriais; e outras).
CARDIOPATIAS CONGÊNITA NO ADULTO – Cardiopatias congênitas com repercussão hemodinâmica, crises hipoxêmicas; insuficiência cardíaca; arritmias; comprometimento miocárdico.
PRÓTESES VALVARES E DISPOSITIVOS CARDÍACOS IMPLANTADOS – Portadores de próteses valvares biológicas ou mecânicas; e dispositivos cardíacos implantados (marca-passos, cardio desfibriladores, ressincronizadores, assistência circulatória de média e longa permanência).
DOENÇA CEREBROVASCULAR Portadores de doenças Cerebrovascular ( acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico,ataque isquêmico transitório e demência vascular)

– Doenças neurológicas crônicas que impactem na função respiratórios , doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular , e indivíduos com deficiência neurológica grave , paralisia cerebral ,esclerose múltipla, ou condições similares.

DOENÇA RENAL CRÔNICA – Doença renal crônica estágio 3 ou mais (taxa de filtração glomerular < 60 ml/min/1,73m2) e/ou síndrome nefrótica.
IMUNOSSUPRIMIDOS – Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10 mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticóide e/ou ciclofosfamida; demais indivíduos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias; pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas.
HEMOGLOBINOPATIAS GRAVES – Doença falciforme e talassemia maior.
OBESIDADE MÓRBIDA – Índice de massa corpórea (IMC) ≥ 40 kg/m2 .
SÍNDROME DE DOWN – Trissomia do cromossomo 21.
CIRROSE HEPÁTICA – Cirrose hepática Child-Pugh A, B ou C.