Correio dos Campos

Grupo de saúde promove aulas online com atividades físicas, dicas de nutrição e saúde mental

27 de Maio de 2020 às 18:04
(Divulgação/PMPG)

IMPRENSA/Ponta Grossa – Promover o bem-estar e fortalecer os laços entre a comunidade mesmo em tempos de pandemia. Esses são os objetivos de um projeto de aulas online desenvolvido pelas equipes da Unidade Básica de Saúde Egon Roskamp, no Santa Paula.

A iniciativa, de acordo com a educadora física da UBS, Ana Paula Medeiros, surgiu como forma de integrar a comunidade e continuar dando assistência à população da região mesmo em virtude da necessidade de cancelamento das atividades presenciais como forma de prevenção ao Coronavírus. “Com o passar do tempo, percebemos que alguns idosos começaram a ficar sozinhos e deprimidos devido a necessidade de isolamento. Diante disso, resolvemos dar início às atividades online e o resultado está sendo bem bacana. Os participantes estão sendo bem pró ativos, participando das atividades e interagindo bastante”, declara.

O projeto incorpora, além de atividades físicas, ações das equipes de Nutrição e Assistência Social da UBS. “Estamos repassando informações nutricionais com dicas no grupo do whatsapp e programando encontros online com temas específicos para orientar a comunidade sobre alimentação saudável, além da higienização dos alimentos como forma a diminuir os riscos com a contaminação”, aponta a nutricionista Janiele Lazaroto Mariano.

Já a assistente social Geisi Santos explica que, além das atividades físicas e nutrição, também há uma preocupação com a saúde mental dos idosos. Ela conta que o grupo também é responsável pelo auxílio na questão técnica das transmissões e integração dos participantes à tecnologia. “Com os grupos online, trabalhamos na questão técnica das transmissões, edição e divulgação, organizando o pessoal e repassando, além de informações sobre o próprio Coronavírus, alternativas do que fazer para cuidar principalmente da saúde mental nesse tempo de pandemia”, ressalta.

“As aulas tem sido uma maravilha! Como a gente não tem saído de casa, ter uma atividade para fazer, um exercício, um alongamento, é muito bom”, afirma a dona de casa Olinda Ferreira Dias, uma das participantes do projeto.