Correio dos Campos

Comércio piraiense fecha as portas em apoio à greve dos caminhoneiros

Cerca de 90% das empresas localizadas na região central da cidade aderiram à mobilização.
25 de Maio de 2018 às 17:48

REDAÇÃO/Correio dos Campos – Organizada pela Associação Comercial e Industrial de Piraí do Sul – a Acips –, aconteceu na manhã desta sexta-feira (25) a primeira manifestação local de apoio à greve dos caminhoneiros que acontece desde o início da semana em todo o país.

Numa clara demonstração de descontentamento com os desmandos do governo federal e com o rumo da economia nacional, cerca de 90% dos comerciantes que tem sede na região central da cidade aderiram ao apelo da Acips e fecharam suas portas por duas horas.

A manifestação aconteceu entre as 10 horas e o meio-dia de hoje, de forma organizada e pacífica, seguindo o exemplo que vem das estradas de todo o Brasil. Dezenas de pessoas se reuniram na Praça José Avais, onde o hino nacional brasileiro foi cantado antes da reabertura dos estabelecimentos comerciais.

De acordo com o presidente da Acips, José Assis Prestes Laroca, a adesão dos comerciantes superou a expectativa.

“De uma maneira geral a participação foi ótima. Todos os segmentos apoiaram de alguma forma e a grande maioria das empresas fecharam seus estabelecimentos. Nossa meta foi superada”, disse.

“É muito bom termos visto essa demonstração que os piraienses estão descontentes com a situação do Brasil e que os caminhoneiros que estão há dias nas estradas defendendo os interesses de toda a nação podem contar com nosso respeito e apoio”, finalizou.