Correio dos Campos

Câmara de Ivaí cassa mandato de vereador acusado de matar empresário a facadas

Câmara de Ivaí cassa mandato de vereador acusado de matar empresário a facadas
6 de Maio de 2020 às 08:22
Vereador de Ivaí Luisir Lobacz está foragido, segundo a Polícia Civil — Foto: RPC Ponta Grossa/Reprodução

A Câmara de Vereadores Ivaí, nos Campos Gerais do Paraná, aprovou a cassação do mandato de Luisir Lobacz (MDB) em sessão feita na tarde desta terça-feira (5). O vereador é acusado de matar a facadas um empresário da cidade.

O crime aconteceu no fim de janeiro. O empresário Everaldo Manfron foi agredido dentro de um supermercado de Ivaí e morreu em um hospital de Ponta Grossa, também nos Campos Gerais.

De acordo com a Câmara, os vereadores aprovaram por unanimidade o relatório que pedia cassação por quebra de decoro.

A casa legislativa informou que a cassação deve ser oficializada em Diário Oficial na quarta-feira (6).

O suplente do vereador, Paulo Cezar de Carvalo (PTB), terá 15 dias para assumir o cargo após a convocação, segundo a Câmara.

Lobacz já havia pedido renúncia do cargo em abril. O acusado é considerado foragido da Justiça, já que possui um mandado de prisão em aberto.

A defesa de Luisir Lobacz disse que, se oficializada, a cassação será questionada na Justiça, já que o vereador apresentou pedido de renúncia do cargo.

O caso

Familiares de Everaldo Manfron disseram que o vereador e o empresário se desentenderam horas antes do crime. Uma câmera de segurança registrou o momento em que o suspeito chega no supermercado e agride a vítima.