Correio dos Campos

Ameaça de massacre em colégio mobiliza polícia e deixa pais e alunos preocupados

O perfil criado em uma rede social anunciava um massacre escolar em três datas 19/05, 20/05 e 23/05
19 de Maio de 2022 às 10:06
(Foto: reprodução)

A ameaça de um massacre, em um colégio particular, que fica no Bairro Santo Inácio, região da FAG, em Cascavel, no Oeste do Paraná, deixou pais e alunos preocupados e mobilizou várias equipes da polícia na manhã desta quinta-feira (19)

O perfil criado em uma rede social anunciava um massacre escolar em três datas 19/05, 20/05 e 23/05. Na descrição, revelava que o grupo que estava por trás do “evento” eram alunos de diferentes anos.

Entre as publicações da página, estavam fotos de Adolf Hitler e também de uma possível bomba.

“ Temos várias bombas, incluindo este modelo”, era a descrição embaixo da foto.

O perfil tomou repercussão rápida, ainda na noite de quarta-feira (18), e deixou a comunidade escolar preocupada. Uma mãe, que pediu para não ter sua identidade revelada, tem dois filhos que estudam no colégio e ao saber do suposto ataque deixou as crianças em casa.

“ Pelo sim ou pelo não, é melhor verificar o que vai acontecer. Hoje eles ficaram em casa.” Sonora- sem identificação

Segundo ela, os filhos informaram que há alguns dias, algumas páginas foram criadas para denegrir a imagem de várias crianças. Elas foram denunciadas à coordenação pelos próprios alunos.

Ainda segundo a mulher, várias mães e pais optaram por deixarem seus filhos em casa. A informação repassada aos responsáveis, é que as crianças que faltaram ao ambiente escolar, não iram ser prejudicadas em relação ao conteúdo.

O perfil criado já foi retirado do ar, no entanto na manhã desta quinta-feira (19), diante do anúncio do possível massacre, equipes da polícia militar e civil foram até a escola.

A delegada do Grupo de Diligências Especiais, Anna Karyne Palodetto, informou que o caso é tratado com sigilo e que quando possível maiores informações serão repassadas.

O Grupo RIC entrou em contato com a assessoria do colégio, mas até o momento eles não se pronunciaram sobre o fato. Nossa equipe aguarda retorno.

Fonte: RIC Mais

Leia mais clicando AQUI