Correio dos Campos

Pessoas em situação de rua preocupam autoridades em Tibagi

Após reunião com departamentos da PMT e da PM ficaram acertados detalhes para solucionar o problema em parceria com a comunidade
23 de Maio de 2019 às 22:08
Moradores em situação de rua, na Praça Leopoldo Mercer. (Divulgação)

IMPRENSA/Tibagi – A Prefeitura Municipal de Tibagi (PMT) realizou, nesta quarta-feira (22), uma reuniãocom as Secretarias Municipais da Criança e Assistência Social (SMCAS), Saúde (SMS), Turismo (Setur), Departamento de Cultura, Departamento Jurídico, Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e Polícia Militar (PM), para debater os problemas relacionados à presença de pessoas em situação de rua na Praça Leopoldo Mercer e em outros espaços públicos da cidade. Relatos de moradores e comerciantes ocasionaram o encontro, que foi conduzido pela vice-prefeita, Helynez Santos Ribas.

Helynez comentou que as pessoas em situação de rua são uma preocupação do município. “Essa situação vem causando constrangimento e até restrição às famílias tibagianas e turistas de frequentarem esses espaços com tranquilidade. Realizamos a reunião para discutir propostas de ações que resultam na melhoria da situação, hoje, vivenciada pela comunidade. Assim como a orientação, amparo e tratamento clínico das pessoas que se encontram nessa situação”, disse.

Neste primeiro momento já foi solicitado mudanças na iluminação, poda de árvores e arbustos para melhorar a visualização dos agentes de segurança e regularização do horário de funcionamento do banheiro público da Praça, que deverá abrir só durante o dia.

O próximo passo será o encontro com comerciantes, que atuam em volta da Praça Leopoldo Mercer, e moradores da região. A intenção é ouvi-los e passar algumas orientações para que o problema seja amenizado enquanto as medidas começam a ser efetivadas, já que a grande maioria das pessoas que ficam nas praças e espaços públicos tem casa e família em Tibagi, mas enfrentam problemas como desemprego, alcoolismo, depressão e consumo de drogas ilícitas.