Correio dos Campos

Prefeitura implementa Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional

Instalação da instância municipal é condicionante para adesão ao Sistema Nacional
8 de julho de 2022 às 20:36
(Foto: Divulgação / PMPG)

COM ASSESSORIAS – Na última semana, na Prefeitura de Ponta Grossa, foi instituído a Câmara Municipal Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan) em atendimento aos critérios para que o Município faça parte do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan), com o objetivo de garantir o direito humano à alimentação adequada.

A Caisan é um órgão colegiado que conta com representantes da Fundação Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Agricultura Pecuária e Abastecimento, Fundação de Assistência Social, Secretaria Municipal De Educação, Secretaria Municipal da Família e Desenvolvimento Social, bem como a Secretaria Municipal de Segurança e Cidadania. Pela importância da Câmara Intersetorial no contexto municipal, a reunião contou com a presença do chefe do Gabinete da Prefeita, Edgar Hampf.

A prefeita Elizabeth Schmidt destaca a importância da união das secretarias municipais com um objetivo maior que é garantir a segurança alimentar para as famílias, neste momento em que os impactos da pandemia ainda prejudicam a alimentação adequada de uma quantidade significativa de pessoas. “Tenho a certeza que a Caisan trata bons resultados em relação a este assunto que preocupa os gestores municipais de todo o Brasil”, comenta Elizabeth.

O secretário de Agricultura, Bruno Costa, eleito o presidente da Caisan, comenta que é muito importante o Município aderir ao Sisan, que é um sistema de gestão participativa e de articulação entre os três níveis de governo e sociedade civil. “Com a adesão ao Sisan formalizada, os estados e municípios incrementam a atuação nessas políticas e em programas estratégicos que vão desde o fomento à produção, até a comercialização, distribuição e consumo de alimentos saudáveis”, finaliza.

De acordo com Damaris Beraldi Godoy Leite, gerente de educação permanente na FMS, que representou o presidente da Fundação de Saúde, Gustavo da Matta na reunião, a Câmara Intersetorial trabalha a partir das diretrizes do Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea), bem como da Política e Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, além disso, coordena a execução dessa mesma Política e Plano. “A Caisan Municipal tem como finalidade promover a articulação dos órgãos e entidades da administração pública afetos à área de Segurança Alimentar e Nutricional”, explica.