Correio dos Campos

Ponta Grossa segue na disputa para sediar a Escola de Sargentos de Armas (ESA)

19 de Maio de 2021 às 15:39
(Foto: Divulgação/PMPG)

COM ASSESSORIAS – A prefeita Elizabeth Schmidt se reuniu com o General de Divisão, Joarez Alves Pereira Junior, e os integrantes da comitiva dos militares envolvidos no processo de implantação da Escola de Sargentos de Armas (ESA) para alinhamentos, tirar dúvidas, realizar visita técnica nas áreas e demais espaços que poderão ser utilizados. O encontro entre as lideranças aconteceu hoje (19) na sala de reuniões e contou com representantes municipais e estaduais.

“Dia importante para Ponta Grossa. Hoje, novamente em nossa cidade, o comando do Exército Brasileiro responsável pela implantação da ESA, esteve reunido conosco. São as últimas definições para a escolha da nova sede. Seguimos confiantes e vamos desenvolver todas as ações necessárias para a vinda da escola, que será motivo de muito orgulho para o Paraná”, declara a prefeita.

Ponta Grossa é uma das três finalistas do processo de seleção do município que irá sediar a ESA, uma das mais tradicionais instituições militares brasileiras. As outras cidades que estão na disputa da Escola são Santa Maria, no Rio Grande do Sul, e Recife, em Pernambuco.

“Ao todo tínhamos 16 cidades para iniciar o estudo de implantação da Escola, agora, na fase final, estamos com as três. Preciso analisar a escolha do local a longo prazo, mas Ponta Grossa tem grande potencial para receber a estrutura que precisamos. Estou feliz com mais este encontro e por ver a união de esforços que a cidade apresentou, em parceria com o Estado. Teremos uma reunião decisiva no meio do ano, a qual consolida a cidade que será sede. Agora vamos terminar o estudo para poder apresentar a realidade das finalistas”, comenta o General de Divisão, Joarez.

O General e sua equipe também aproveitaram a segunda visita para conhecer o aeroporto Sant’Ana e realizar o reconhecimento da área onde a ESA poderá ser instalada.

Na ocasião, a prefeita entregou um documento onde firmava o compromisso de que dependesse do município. “Amanhã vamos conversar com o governador Ratinho Jr para que o Estado também possa apresentar questões pertinentes. Esse é um grande passo para conquistar a ESA”, diz Elizabeth.

Hoje, Ponta Grossa sedia a 5ª Brigada de Cavalaria Blindada, e responde efetivamente pelo comando de diversas organizações militares, contendo estrutura diferenciada, como um aeroporto com voos regulares, imóveis públicos disponíveis para a implantação da unidade.