Correio dos Campos

Bebê de 40 dias morre e laudo do IML irá confirmar causa da morte; Suspeita é que a criança tenha virado de bruços no berço e tenha se asfixiado

28 de Maio de 2020 às 14:51
(foto ilustrativa)

REDAÇÃO/Correio dos Campos – O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 10 horas da manhã de hoje (28) para atender um bebê de apenas 40 dias que estava com obstrução de vias aéreas.

Segundo informações dos bombeiros, os socorristas foram até a residência onde estava a criança, na rua Nova Esperança, no Jardim Maracanã em Ponta Grossa, e quando chegaram no local verificaram que o bebê já estava com as vias aéreas liberadas (não havia líquido impedido a respiração), mas sem sinais vitais.

Os socorristas realizaram manobras de reanimação, mas a menina acabou falecendo. Ainda de acordo com os bombeiros, os pais contaram que colocaram a criança para dormir e quando viram a bebê já está inconsciente.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Ponta Grossa para confirmar a causa da morte e a Polícia Civil deve acompanhar o caso.

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, a suspeita dos pais é que a criança tenha virado de bruços durante o sono e tenha se asfixiado com uma fronha ou no colchão. Segundo relato do pai da bebê, ele encontrou a menina de barriga para baixo e já sem respirar.