Correio dos Campos

Palestra permite que alunos da UniSecal entendam o Direito em diferentes instituições

Atividade aconteceu na plataforma Zoom. Acadêmicos puderam compreender os aspectos gerais sobre o Direito Canônico e suas especificidades
13 de Maio de 2020 às 09:17
Piero Gamper Madalozzo palestrou em evento on-line da Unisecal.

COM ASSESSORIAS – Durante a pandemia da COVID-19, a UniSecal tem realizado diversos eventos on-line com o objetivo de aprimorar o conhecimento de seus acadêmicos. E nesta terça-feira, 12 de maio, os(as) alunos(as) do curso de Direito da Instituição – 1º diurno e 2º diurno e noturno – receberam uma palestra com o tema ‘Direito Canônico: aspectos históricos e práticos’. A atividade aconteceu em uma plataforma digital e teve a presença do especialista em Direito Civil e Processual Civil, Prof. Esp. Piero Gamper Madalozzo.

Com a coordenação da professora do curso de Direito da UniSecal, Dra. Francieli Lunelli Santos, a palestra on-line aconteceu na disciplina de ‘História, Cultura e Instituições do Direito’. Durante a aula, os estudantes puderam compreender aspectos gerais sobre Direito Canônico, entender suas especificidades e ressaltar seus aspectos práticos. A palestra, que aconteceu na plataforma Zoom, também possibilitou que os acadêmicos se aprofundassem em conhecimentos relativos ao tema ‘História do Direito Medieval’.

Palestrante

Piero Leandro Gamper Madalozzo possui graduação em Direito pelo Centro Universitário OPET (UniOPET), especialização em Direito Civil e Processual Civil pela Universidade Estácio de Sá e é mestrando em Direito Canônico pelo Instituto Superior de Direito Canônico Santa Catarina (ISDCSC). Além disso, Piero é professor na Faculdade ISEPE Guaratuba.

Direito Canônico

O Direito Canônico é resultado da Lei da Igreja Católica e da Anglicana. Todas as suas características são regulamentadas no Código do Direito Canônico, que entrou em vigência em janeiro de 1983 pelo papa João Paulo II. Ou seja, o Direito Canônico é um direito construído completamente no âmbito da religião.

Segundo a professora Francieli, estudar o tema na academia (faculdade) permite que os alunos entendam a história do Direito e como ele atua em diferentes instituições. “Permite ampliar a bagagem dos acadêmicos em relação ao domínio do conhecimento histórico e filosófico de uma instituição, como a Igreja Católica, que possui uma história que remonta há séculos de existência e continua atuante na contemporaneidade”, explica a doutora em Ciências Sociais Aplicadas.