Correio dos Campos

CEU das Artes ganha novo espaço para biblioteca

Revitalização do antigo espaço foi realizada em parceria com a VCG, através do projeto Empresa Madrinha, do Selo Social
5 de Maio de 2017 às 22:28

O Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), instalado na Vila Coronel Cláudio, em Uvaranas, ganhou hoje (05) uma nova biblioteca. Através do apadrinhamento da Viação Campos Gerais (VCG), a comunidade local conta agora com uma biblioteca com estrutura revitalizada, novas aquisições para o acervo e material necessário para desenvolvimento do projeto “Leitura Mágica”. O espaço foi inaugurado pela Prefeitura Municipal de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Programa Selo Social.
A revitalização do espaço só foi possível graças a um novo projeto desenvolvido pelo programa Selo Social, o ‘Empresa Madrinha. O projeto prevê a parceria de empresas do setor privado com a administração pública para atender demandas da área da Assistência Social em Ponta Grossa. “Essa é a primeira parceria do ‘Empresa Madrinha’. Com esse projeto, esperamos encontrar outras empresas parceiras que queiram adotar espaços ou ideias para oferecer novas oportunidades para a população”, comenta a secretária de Assistência Social, Simone Kaminski.
O prefeito Marcelo Rangel destacou a realização de diversos investimentos na região da vila Coronel Cláudio, como nas áreas de infraestrutura e educação. “O CEU foi uma grande conquista para esta região e é uma alegria muito grande inaugurar este espaço revitalizado, dando mais oportunidades para a comunidade. Também nos orgulhamos de contar com empresas que estão investindo no futuro de Ponta Grossa, esperamos que a VCG seja apenas a primeira delas”, destacou.
“O ‘Empresa Madrinha’ é uma oportunidade para que mais empresários assumam esse compromisso. A iniciativa privada pode dar agilidade ao processo para o desenvolvimento de projetos. Quando uma empresa apoia esse tipo de ação, além de contribuir com o desenvolvimento social, dá agilidade ao desenvolvimento de ações que, sozinho, nem sempre o poder público consegue desenvolver, porque precisa atravessar uma série de entraves legais e burocráticos”, afirma o diretor operacional da VCG, Luciano Rasera Gulin. Sobre a revitalização da biblioteca, o diretor ainda reforça: “A leitura é o que nos vai formar como cidadãos. Para a empresa, é um orgulho apadrinhar uma iniciativa como essa, que terá impacto na sociedade”, finaliza.
De acordo com a secretária Simone Kaminski, com o espaço da biblioteca do CEU revitalizado, será possível desenvolver o projeto ‘Leitura Mágica’, que visa incentivar o hábito da leitura em crianças, adolescentes e adultos. “Com o projeto, os usuários irão emprestar o livro e também levarão para casa uma pasta com estojo e materiais de colorir. Na semana seguinte, terá a chance de compartilhar sobre a história do livro, além de realizar colagens, desenhos e outras atividades relacionadas à leitura. Esse projeto será desenvolvido com o acompanhamento de assistentes sociais, bibliotecárias e acadêmicos de pedagogia, duas vezes por semana”, explica Simone.
Biblioteca do CEU
A biblioteca do CEU é uma das atividades da estrutura, que unifica a prestação de serviços culturais, práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, serviços socioassistenciais, políticas de prevenção à violência e inclusão digital. A população pode contribuir realizando doações para o acervo, de livros infantis, infanto-juvenis e também outras classificações. Para emprestar do acervo, basta fazer uma carteirinha, levando RG e comprovante de endereço. A biblioteca do CEU é aberta para toda a população de Ponta Grossa, não apenas a comunidade da Coronel Cláudio.
Projeto Empresa Madrinha
O projeto Empresa Madrinha busca empresas parceiras para apadrinharem espaços públicos, em ações como reformas, com materiais ou mesmo mantimentos. O contrato entre o Selo Social e a empresa madrinha tem duração de 12 meses, com manutenção mensal, caso necessário. Um representante do Selo Social irá acompanhar, periodicamente, o andamento das ações desenvolvidas. O Programa Selo Social já trabalha com uma nova parceria, para apadrinhamento de uma ciclofaixa em Ponta Grossa.
A empresa que tiver interesse em participar, pode procurar o Selo Social e se informar sobre os critérios para ser ‘selada’. O programa está instalado no prédio da Secretaria Municipal de Assistência Social, na rua Joaquim Nabuco – Centro.