Correio dos Campos

Vereadores repercutem transporte de paciente em camionete

23 de Maio de 2018 às 20:23
Durante a sessão, vereadores debatem e fiscalizam serviços de saúde. Foto: Comunicação/CMPS

COMUNICAÇÃO/CMPS – O transporte de paciente feito pela Defesa Civil de Piraí do Sul em uma camionete na última semana, foi tema de discussão na sessão da Câmara Municipal. Durante as considerações finais da reunião de ontem (21), os vereadores repercutiram o fato, cobraram esclarecimentos do Executivo e se defenderam de acusações.

De quem é a responsabilidade?

Ao usar a palavra livre, o vereador Luciano Solek (PSB) fez a leitura de trechos da ata da reunião do Conselho Municipal de Saúde, ocorrida em dezembro de 2017. Na ocasião, os conselheiros questionaram o Poder Executivo em um caso semelhante; a ausência de um atendimento móvel a uma paciente do Lar de Idosos São Vicente de Paulo. Na oportunidade, o departamento municipal de administração informou que na falta de ambulância da Defesa Civil, o serviço deve ser prestado pelo Hospital Municipal.

Por sugestão de Solek será enviado ao prefeito José Carlos Sandrini (PHS) um requerimento para perguntar qual órgão é responsável pelo atendimento móvel em caso de urgências.

Falha administrativa

Ao usar a tribuna, o vereador Dalney Bueno (PSD) leu o requerimento nº 031/2018. Protocolado na Prefeitura na última sexta-feira (18), o documento indagou por quais motivos a ambulância da Defesa Civil, que se encontra no pátio da Prefeitura, ainda não foi consertada. O parlamentar considerou a situação “além de vergonhosa, uma evidente demonstração de falha administrativa”.

Acusações

O presidente da Câmara, vereador Márcio do Gás (PMB) rebateu as acusações feitas aos vereadores piraienses por um programa de TV da cidade de Londrina.

“Eles não têm conhecimento do que acontece na cidade para falar. Eles deveriam ter vindo aqui saber com detalhes o que está acontecendo. Eles expuseram algumas pessoas que não tem nada a ver com a situação… Defendo o município, esta Câmara, e as pessoas que moram aqui, porque eles (TV) não sabem o que nós estamos fazendo. A gente fica indignado de ver as pessoas jogando o nome de Piraí no lixo. É preciso conhecer a situação”, desabafou.

Número de Ambulâncias

O plenário aprovou a proposta do requerimento nº 030/2018. A matéria quer saber a existência do número de ambulâncias do município; quantas estão em manutenção; quantas servem ao hospital e qual é a quantidade de motoristas que trabalham na área de saúde. O documento foi apresentado pela vereadora Maria Olímpia de Almeida (PTB).