Correio dos Campos

AMCG e Ascamp se unem em prol da região

6 de junho de 2023 às 15:17
(Foto: Divulgação/AMCG)

COM ASSESSORIAS – O fortalecimento da política regional. Com este intuito, a Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) firmou parceria com a Associação das Câmaras Municipais de Vereadores da região (Ascamp). O presidente da Ascamp, vereador jaguariaivense, Juninho Pemac, esteve presente durante a primeira reunião ordinária da nova diretoria da AMCG na última semana em Ipiranga, e reforçou as tratativas. “Faremos um trabalho em conjunto. Teremos um olhar diferenciado para a região, com o apoio dos parlamentares”, explicou a presidente da AMCG, e prefeita de Carambeí, Elisangela Pedroso.

Para Elisangela, esta união é essencial para os trabalhos em prol da população dos Campos Gerais. “São os vereadores que nos ajudam a conduzir os municípios. Com esta parceria nos aproximamos, para que eles possam conhecer mais de perto os trabalhos dos prefeitos”, antecipa.

Com os Poderes Executivo e Legislativo juntos, Pemac ressalta que a região terá 100% da representatividade da política regional. “Queremos ganhar mais força em todas as discussões”, esclarece, lembrando que as pautas das Associações são comuns, como a Saúde, Geração de Empregos e as Rodovias, por exemplo. Para o parlamentar, a AMCG ganha força, já que os vereadores mantém contato mais direto com os munícipes.

Criada em 1987, mas com os trabalhos paralisados, a Ascamp conseguiu regularização no final do último ano. “Queremos fortalecer e equiparar o trabalho das Câmaras Municipais”, adianta o presidente. Para ele, hoje a realidade das Casas de Leis dos Campos Gerais ainda é muito diversa, mas os objetivos são os mesmos. “Ainda somos muito diferentes quanto à estrutura”, avalia, exemplificando com as Câmaras de Jaguariaíva e Ponta Grossa.

Assim como a AMCG, a Ascamp realiza reuniões itinerantes com os parlamentares da região. Na última semana, a Associação das Câmaras protocolou pedido para se tornar Entidade Pública Estadual. “O objetivo é fortalecer e ainda descentralizar os atendimentos”, finalizou Pemac.