Correio dos Campos

Escola de Música Municipal Elzita Jorge Cunha oferece cursos gratuitos com adaptações durante a pandemia

17 de Maio de 2021 às 14:10
(Foto: Divulgação/PMJ)

COM ASSESSORIAS – A Escola Municipal de Música Elzita Jorge Cunha, mantida pela Prefeitura de Jaguariaíva, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL), está em atividade mesmo durante a pandemia. Com a necessidade de isolamento social, as aulas foram adaptadas para o sistema on-line, tendo também a opção de aula presencial programada para alunos que não possuem instrumento musical. Novos alunos também estão sendo aceitos.

As oficinas online disponíveis são as de Violão, Teclado, Acordeom, Trompete e Canto. Temporariamente estão suspensas as aulas e ensaios do Coral Plenitude, Fanfarra Municipal e Grupo Sonata Maragata, grupos que em várias oportunidades encantaram o público jaguariaivense com belas apresentações.

Para atender aos alunos que não têm instrumentos e participam à distância das oficinas está sendo feito o agendamento de aula presencial para treino com o material da escola. “Instrumentos de sopro de uso coletivo, como trompete, não estão sendo usados nas aulas presenciais, a fim de evitar contaminação com o novo coronavírus, visto que necessitam de contato direto com a boca”, informa o diretor do Departamento de Cultura, Vinícius Schadner.

Outros protocolos de segurança também estão sendo seguidos. Antes da aula presencial, por exemplo, é feita a aferição da temperatura do aluno e exigido o uso de máscara, higienização do instrumento e das mãos, além de assinatura de termo autodeclarante de não pertencimento a um grupo de risco para a Covid-19.

11 anos – A escola pública de música jaguariaivense foi criada em 2010, na primeira gestão do prefeito Otélio Renato Baroni, e já atendeu gratuitamente quase 2 mil alunos de Jaguariaíva e região.

Situada no Complexo Matarazzo, próxima ao Cine Teatro Valéria Luercy, a estrutura passou por reformas e adequações para funcionar. Também foi equipada com todos os instrumentos musicais necessários. A prefeita Alcione Lemos, que participou ativamente da implantação e desenvolvimento da escola de música, desde quando esteve à frente SMECEL (Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer), relata que os esforços na área fazem parte de um processo realizado para dar acesso à cultura a todos os jaguariaivenses, independente de classe social. “Todos os jaguariaivenses merecem o melhor”, reforça.

Atualmente são 104 os alunos matriculados e as aulas são oferecidas inclusive para aluno com deficiência visual. Os professores são Rogério Lima Gomes, Marcelo Alves de Souza e Rafael Jayme Pliessnig Stoekly. Para agendamento de matrícula e mais informações o interessado deve entrar em contato pelo telefone (43) 3535-5593 ou pelo e-mail [email protected] A escola fica na Rua Salomão Félix da Silva S/N, no Centro de Jaguariaíva.