Correio dos Campos

Hackathon Agroleite tem na disputa 14 startups do agronegócio

Maratona conta com a participação de startups de diferentes regiões do Paraná, além dos Estados de São Paulo e Santa Catarina
12 de agosto de 2019 às 14:45
(Divulgação)

COM ASSESSORIAS – Quatorze startups foram selecionadas para o Hackathon Agroleite, evento que integra a programação da Semana da Inovação, durante o Agroleite, que acontece de 13 a 17 de agosto, na Cidade do Leite – Parque de Exposições Dario Macedo, em Castro, na região dos Campos Gerais. Assim como o Hackathon, as ações da Semana da Inovação acontecem dentro do Pavilhão da Inovação, espaço onde o Sebrae/PR e a Castrolanda irão disseminar a inovação e novas tecnologias para o agronegócio, além de incentivar o desenvolvimento, crescimento e amadurecimento das startups do segmento.

As startups selecionadas para a maratona, que acontece de 14 a 16 de agosto, já têm soluções específicas para o agronegócio ou se propuseram a resolver as problemáticas apresentadas no Edital do evento. Representam cidades como Londrina, Curitiba, Maringá e Ponta Grossa, além dos Estados de São Paulo e Santa Catarina. São elas: Carregou, Agro One, AuxDev, I9grãos, Agro Bois, Cargo Tracking, Redutor de Pesticidas, Hello Soluções em IoT e Engenharia, Outs, Rep, Silos, TechBio e Bagile, além da equipe formada por Fernando Jean, Sérgio Renato e Andrey Sutil.

A Carregou, de Ponta Grossa, entra na disputa com três profissionais na equipe. Jeison Vasco, acadêmico do curso de Engenharia Agronômica, da Unopar, já participou de outras maratonas e trouxe com ele o desenvolvedor Fábio Luan Batista de Almeida, que é formado em Informática, e Marcela Wojtiephowski, Administradora e Engenheira Agrônoma. A multiplataforma digital da startup promete otimizar o processo de entrada e saída de grãos da Cooperativa Castrolanda, dando ainda mais veracidade ao processo logístico. Conforme Jeison, a ideia é validar o negócio. “A expectativa é chamar a atenção e fechar negócio com a Cooperativa”, diz o empreendedor.

Durante três dias os maratonistas vão trabalhar no desenvolvimento das soluções, focados nas questões de validação e mercado, para que ganhem aprimoramento e possam crescer. Além do Hackathon Agroleite, os maratonistas podem participar das palestras específicas para o desenvolvimento das startups.

A primeira palestra traz o tema ‘Crie negócios alinhados com o novo tempo’, e acontece na quarta-feira (14), das 16h30 às 18 horas, e será conduzido pelo CEO da Ravel Tecnologia, Benício Filho, que é investidor em startups, palestrante, mentor e consultor dos principais programas do País.

Na quinta-feira (15), das 11 às 12 horas, Pedro Chaves, um dos sócios da startup curitibana Celero, de gestão financeira para pequenas e médias empresas, vai falar sobre OKR (Objetivos e resultados chave), um sistema de definição e gestão de metas para chegar a grandes resultados. Das 17 às 18 horas, Claudia Rosa Lopes, sócia fundadora da Klikey, primeira plataforma de marketplace imobiliário do País, estará à frente do workshop ‘Growth Hacking’. Ela também é investidora-anjo e influenciadora da Rede Mulher Empreendedora e do Grupo Mulheres do Brasil.

Já na sexta-feira (16), das 9 às 10 horas, a consultora do Sebrae/PR, Thaise Amaral Orita, vai conduzir o workshop ‘Pitches’, que é uma ferramenta usada por empreendedores para ‘vender’ uma ideia de negócio. Às 16 horas, os maratonistas participam dos pitches e o resultado final será divulgado às 18 horas.

Além dos prêmios em dinheiro – R$ 5 mil para o primeiro lugar, R$ 3 mil para o segundo e R$ 2 mil para o terceiro, as startups mais bem avaliadas receberão ainda bolsas de estudo para cursos de Inglês no Centro Europeu e na Wizard.

Pavilhão da Inovação

A abertura do Pavilhão da Inovação acontece na próxima terça-feira (13), com a realização de uma reunião com o ecossistema de inovação e a palestra ‘Mulheres e Startups’, voltada para empreendedoras, com a escritora, palestrante e mentora Tânia Gomes Luz, vice-presidente da Associação Brasileira de Startups (ABStartups) e premiada no Empreendedores de Sucesso, da revista Pequenas Empresas, Grandes Negócios (PEGN).

Também está prevista a apresentação do projeto Sigma, da Fundação ABC, que é uma plataforma digital para associados reunirem informações coletadas no campo a fim de agilizar a tomada de decisão. Ainda no dia 13, haverá palestras para jovens empreendedores, com Matheus Marioto, CEO da Code How, que é uma startup de extensão de educação para crianças; e Matheus Tomio, criador e fundador da startup CareOn e da Minhorta.

Batalha e negócios

De 14 de agosto a 16 de agosto, 18 startups do ramo do agronegócio participam do Battle of Innovation, uma competição para apresentação de ideias e negócios. A startup campeã vai receber ingressos para a 5ª edição do Case, um dos mais importantes eventos para startups da América Latina, que acontece em novembro, em São Paulo.

Também no Pavilhão da Inovação haverá o Startup & Business, espaço onde as startups vão expor seus negócios com objetivo de obter aproximação com investidores, grandes empresas e o ecossistema de inovação. O espaço é aberto a todo o público do Agroleite 2019.

Outra atração do espaço, o Startup ON, acontece na sexta-feira (16). Será um dia de interação com empreendedores e especialistas para gerar conexões para startups. Representantes da Associação Brasileira de Startups (ABS) participam da ação. Além de toda a programação, haverá ainda uma bancada de prototipação 3D e óculos de realidade virtual disponíveis ao público.