Correio dos Campos

Em encontro com o Ministro da Educação, deputada Aline Sleutjes, pede a recomposição dos cargos na UTFPR

6 de Maio de 2022 às 12:12

COM ASSESSORIAS – Na quarta-feira (04/05) a deputada Federal e pré-candidata ao senado, Aline Sleutjes, teve agenda com o novo Ministro da Educação, Victor Godoy Veiga, para conversar sobre a demanda da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Com a presença do Pró-Reitor de Graduação Jean Marc Lafay, levaram ao novo ministro um pedido para o restabelecimento da força de trabalho da universidade.

A UTFPR tem característica única como universidade especializada no campo do saber na área tecnológica. Em outubro de 2005 por força de lei o então Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná (CEFET) foi transformado na UTFPR. Naquela época, a maioria dos docentes (cerca de 80%) na carreira do 1º e 2º graus, atual EBTT (Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. Em 2007 a UTFPR aderiu ao programa REUNI, que possibilitou a contratação de novos professores na carreira do Magistério Superior, possibilitando assim a oferta de novos cursos superiores.

“Em decorrência da não mais autorização de vagas da carreira EBTT, a universidade corre o risco de encerrar com os cursos técnicos, por falta de professores. E por intermédio da deputada Aline Sleutjes, viemos pessoalmente pedir ao ministro o restabelecimento das vagas” disse o Pró-Reitor da UTFPR Jean Marc Lafay.

“Como professora, sei da importância da educação e da resolução desta demanda. Estamos trabalhando a meses para encontrarmos uma solução jurídica e adequada, tenho certeza e por isso quando fui procurada pela a UTFPR e levar essa pauta tão importante que é a reposição dos cargos na universidade.. Estarei acompanhando com preocupação, e trabalhando para que os cursos técnicos não sejam encerrados”, finalizou a deputada.

Na mesma reunião a deputada Aline, solicitou a verificação do pedido da Faculdade Facec
de Cianorte, referente à liberação e habilitação do curso EAD tecnológico Gestão de Qualidade.